domingo, 21 de julho de 2013

Que tipo de terreno sou?



Evangelho: Mt 13,1-9

Naquele mesmo dia Jesus saiu de casa, foi para a beira do lago da Galiléia, sentou-se ali e começou a ensinar. A multidão que se ajuntou em volta dele era tão grande, que ele entrou num barco e sentou-se; e o povo ficou em pé na praia. Jesus usou parábolas para ensinar muitas coisas. Ele disse:
- Escutem! Certo homem saiu para semear. Quando estava espalhando as sementes, algumas caíram na beira do caminho, e os passarinhos comeram tudo. Outra parte das sementes caiu num lugar onde havia muitas pedras e pouca terra. As sementes brotaram logo porque a terra não era funda. Mas, quando o sol apareceu, queimou as plantas, e elas secaram porque não tinham raízes. Outras sementes caíram no meio de espinhos, que cresceram e sufocaram as plantas. Mas as sementes que caíram em terra boa produziram na base de cem, de sessenta e de trinta grãos por um.
E Jesus terminou, dizendo:
- Se vocês têm ouvidos para ouvir, então ouçam.

Reflexão:

Jesus, esclarecedor do mistério do Reino dos Céus
As parábolas, partindo de imagens de fatos da vida comum, por comparações, são elaboradas para a compreensão das palavras de Jesus, movendo os ouvintes a se comprometerem com o projeto do Reino de Deus. Enquanto o Evangelho de Mateus reúne ao todo 22 parábolas, o Evangelho de Marcos reúne apenas 6 e o de Lucas ultrapassa ambos, com 31 parábolas. A parábola de hoje é comum aos três evangelistas. Ela poderia ser mais bem denominada como "parábola dos terrenos", pois o seu núcleo são os diversos terrenos nos quais cai a semente, nos quais o leitor deve procurar sua identificação. Com esta parábola do semeador, Mateus inicia um bloco de sete, dando ao conjunto a forma de um discurso de Jesus, esclarecedor do mistério do Reino dos Céus. Depois da parábola, vem a explicação do porquê falar em parábolas (Mt 13,10-17), e, em seguida, a explicação detalhada de seu significado.

Autor: José Raimundo Oliva

Um comentário:

  1. Gracias Anderson; muy buena catequesis.
    ¡Feliz Dia del Señor! Dios te bendiga.
    Un abrazo.

    ResponderExcluir

"Que o caminho seja brando a teus pés,
o vento sopre leve em teus ombros,
Que o sol brilhe cálido sobre sua face,
as chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja,
Deus te guarde na palma de sua mão"

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...