segunda-feira, 6 de maio de 2013

A Calça muito Comprida

Um dia, um pai de família chegou em casa no final do dia, após o trabalho, com uma calça nova. Mas a calça era muito comprida e precisava ser cortada em quatro centímetros.

Havia três mulheres em casa, todas costureiras: A esposa, a nora e a filha.

Ele chegou para a esposa e falou: "Você pode tirar para mim quatro centímetros na barra desta calça? Eu gostaria de usá-la amanhã cedo". A esposa respondeu: "Eu estou muito cansada agora. Amanhã use uma calça velha mesmo".

Ele foi com a nora, que estava na televisão, e fez o mesmo pedido. Mas esta também se recusou: "Eu não posso perder este capítulo da novela", disse ela. "Amanhã eu arrumo".

O homem não desistiu e procurou a filha. Esta respondeu: "Não posso, pai, porque hoje eu tenho prova na escola, e preciso estudar".

Tudo bem. O homem pendurou a calça no guarda-roupa, tomou banho, jantou e foi dormir.

Uma meia hora depois, a esposa pensou e mudou de ideia. Pegou a calça e tirou os quatro centímetros. Depois deitou-se e dormiu.

Mais tarde, terminada a novela, a nora ficou com dó do sogro, foi lá, pegou a calça e cortou mais quatro centímetros.

A filha chegou da escola tarde da noite e resolveu atender ao pedido do pai. Pegou a calça, mesmo sonolenta, e cortou mais quatro centímetros.

Resultado: No outro dia, o homem foi vestir a calça, dava no meio da canela!

É isso que dá a falta de diálogo, de amor, a má vontade e o comodismo dentro de casa.
Adaptação: Pe. Queiroz
www.a12.com
 

Um comentário:

  1. DIÁLOGO - artigo em extinção hoje em dia... As pessoas têm necessidade em falar e mais ainda em quem as escute com boas luzes!
    Excelente o texto para reflexão!
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir

"Que o caminho seja brando a teus pés,
o vento sopre leve em teus ombros,
Que o sol brilhe cálido sobre sua face,
as chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja,
Deus te guarde na palma de sua mão"

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...