quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

São Paulo Apóstolo


Concelebre a Igreja, cantando,
De São Paulo a grandeza e esplendor.
De inimigo se fez um apóstolo
Pelo grande poder do Senhor.

Contra o nome de Cristo lutara,
Inflamado de grande furor,
Mas ardeu maior chama em seu peito
Anunciando de Cristo o amor.

Grande dom mereceu do Senhor:
No mais alto dos céus escutar
As palavras do grande mistério
Que ninguém é devido falar.

Espalhando as sementes do Verbo,
Surgem messes com tais florações,
Que o celeiro dos céus é repleto
Com os frutos das boas ações.

Refulgindo, qual luz, ilumina
Todo o orbe com tal claridade
Que, dos erros a treva expulsando,
Faz reinar, soberana, a verdade.

Glória ao Cristo, a Deus Pai e ao Espírito,
Que governam toda nação,
E doaram aos povos da Terra
Um tal vaso de sua eleição.
Fonte: Liturgia das Horas

2 comentários:

  1. Um lindo poema-oração! Que venham "os frutos das nossas boas ações"... Amém!
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
  2. Célia, que bom podermos lembrar da figura de S. Paulo que nos mostra que sempre é tempo de servir ao senhor!

    ResponderExcluir

"Que o caminho seja brando a teus pés,
o vento sopre leve em teus ombros,
Que o sol brilhe cálido sobre sua face,
as chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja,
Deus te guarde na palma de sua mão"

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...